RCL 40 _ Escrita, Memória, Arquivo

Instituição

Podemos falar com uma máquina? Podemos falar com um humano? Começamos por cruzar duas perguntas que parecem tão diferentes e depois tentamos identificar a origem dessa percepção de diferença. Para isso, olhamos para algumas experiências históricas da Inteligência Artificial e tentamos perceber certos processos (relacionados com a linguagem e com a memória) tanto para o caso das máquinas como para o caso dos humanos.

Sugerimos que podemos lidar melhor com estas questões se deixarmos de olhar o mundo como constituído pelas operações da consciência. Em alternativa, propomos compreender o mundo como instituição. Não no sentido habitual de «instituição social», mas num sentido mais lato que vamos buscar a Merleau-Ponty.

Terminamos discutindo o conceito de instituição que usamos numa experiência de robótica colectiva que estamos a concretizar.

Navegação

Contacte-nos

icon-addressRevista de Comunicação e Linguagens
Centro de Estudos de Comunicação e Linguagens
Av. de Berna, 26-C, 5.º andar, sala 506
1069-061 Lisboa PORTUGAL

icon-phone(+351) 21 795 08 91

icon-fax(+351) 21 795 08 91

icon-emailEste endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.