RCL 38 _ Mediação dos Saberes

Ética, Ciência e Tecnologia

A opção intelectual tomada na Renascença pela experimentação em vez da contemplação, pela imanência em vez da transcendência, teve profundas implicações no pensamento europeu. A mais importante consequência terá sido a separação que então se verificou entre Ciência e Filosofia, que desde a Antiguidade andavam associadas. A necessidade duma Ética exigente que oriente a utilização das Novas Tecnologias torna-se cada vez mais premente; basta invocar as questões Ecológicas (lixos, incluindo o nuclear), as de Segurança (Energia Nuclear), as Biológicas (Biotecnologias, Controlo de Nascimentos), as de Comunicação (Manipulação das Pessoas/Massas) e tantas outras. A nossa cultura ocidental tem respostas aos graves problemas do tempo presente; basta recuperarmos o respeito perdido pelo Absoluto transcendente.

Navegação

Contacte-nos

icon-addressRevista de Comunicação e Linguagens
Centro de Estudos de Comunicação e Linguagens
Av. de Berna, 26-C, 5.º andar, sala 506
1069-061 Lisboa PORTUGAL

icon-phone(+351) 21 795 08 91

icon-fax(+351) 21 795 08 91

icon-emailEste endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.