Home Edições RCL 33 _ Corpo, técnica, subjectividades Ensaios Metáforas e representações da SIDA no discurso jornalístico

RCL 33 _ Corpo, técnica, subjectividades

Metáforas e representações da SIDA no discurso jornalístico

Portugal é hoje o país da União Europeia com maior taxa de incidência da SIDA. A pergunta sobre como se chegou a esta situação não pode deixar de ser feita, incitando a um olhar crítico aos mais diversos níveis de intervenção, entre eles os meios de comunicação social. Neste artigo, com base em títulos de dois diários, Diário de Notícias e Correio da Manhã, entre 1981 e 2000, identificam-se características dos primeiros enquadramentos desta nova epidemia: como foi designada e quantificada, como foi apresentada como batalha médica e como batalha moral, como se sustentou a ideia de que era sobretudo um problema dos outros.

Navegação

Contacte-nos

icon-addressRevista de Comunicação e Linguagens
Centro de Estudos de Comunicação e Linguagens
Av. de Berna, 26-C, 5.º andar, sala 506
1069-061 Lisboa PORTUGAL

icon-phone(+351) 21 795 08 91

icon-fax(+351) 21 795 08 91

icon-emailEste endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.