Home Edições RCL 30 _ Pop Ensaios Pop philosophy: Uma aproximação ao pensamento de David Hume

RCL 30 _ Pop

Pop philosophy: Uma aproximação ao pensamento de David Hume

O objectivo principal do texto é a analise de uma afirmação que Gilles Deleuze formula a respeito do pensamento de David Hume (1711-1776) onde, de forma explicita, o categoriza como uma «filosofia pop». A afirmação parece estranha em todos os sentidos, não somente quando aplicada ao pensamento de David Hume, que historicamente dista em muito do epíteto, mas também porque o sufixo não parece em nada caber a qualquer obra filosófica. Assim, e em detrimento do pensamento de Deleuze, adentramo-nos na obra de David Hume, seguindo pressupostos exauridos da mesma, para tentar conformar um sentido possível, nunca definitivo, para que esta possa ser tematizada, categorizada, ou melhor, perspectivada, como uma «filosofia pop». Desta forma seguimos de perto os dois sentidos que a palavra inglesa assume, o de ruído estrondoso e o de mote económico que permite referir qualquer elemento do «popular». É por essa razão que recorremos a Lawrence Alloway e a Arthur Danto. A (in)conclusão do texto tem uma matriz intencional, pretende dar voz a David Hume para que seja ele a determinar-se a si mesmo.

Navegação

Contacte-nos

icon-addressRevista de Comunicação e Linguagens
Centro de Estudos de Comunicação e Linguagens
Av. de Berna, 26-C, 5.º andar, sala 506
1069-061 Lisboa PORTUGAL

icon-phone(+351) 21 795 08 91

icon-fax(+351) 21 795 08 91

icon-emailEste endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.